A região íntima ainda pode ser tabu para muitas pessoas. A verdade é que a saúde da mulher é muito importante, o que podemos tratar?

 

A partir dos quarenta anos, geralmente, muitas mulheres começam a apresentar disfunções na região íntima. Perda de urina, perda de lubrificação, entre outros sintomas.

Essas disfunções na regão íntima pode prejudicar a rotina dessas mulheres, tornando até situações de prazer em dor. Hoje eu vou quebrar esse tabu sobre a região íntima feminina. 

 

Existem tratamentos que podem ser feitos para melhorar a funcionalidade e recuperar a auto estima feminina. 

 

Os tratamentos com laser são utilizados no local por um profissional, médico dermatologista. Esse procedimento pode tratar diversos sintomas da síndrome urogenital feminina, recuperando a saúde íntima da paciente.

 

Principalmente durante ou após a menopausa, as mulheres experienciam uma diminuição dos hormônios. Isso pode acarretar na perda de lubrificação vaginal, causando dor e até sangramento durante a relação sexual. 

 

Outro problema é a perda urinária. Com o envelhecimento, assim como outras partes do corpo a região íntima vai ficando flácida. A uretra pode mudar de lugar, assim como a bexiga. Os escapes urinários são uma queixa frequente nos consultórios dermatológicos e tem solução! 

 

Como é feito o tratamento?

 

O tratamento íntimo com laser é feito geralmente em quatro sessões, uma vez por mês, com cerca de 50 minutos de duração cada. Após esse período, o resultado pode ser observado e não possui um pós-tratamento muito complicado. Dessa forma, nós conseguimos recuperar o controle da urina, a lubrificação, entre outros sintomas, 

 

Não é tabu, é saúde íntima da mulher. Se você está sentindo qualquer um desses sintomas ou outros na sua região íntima, procure um médico dermatologista que pode te indicar os tratamentos adequados.

 

Fale Agora!
Como posso te ajudar?
Powered by