Psoríase é uma doença inflamatória sistêmica

A psoríase é uma doença que atinge 2% da população geral.

Ela não é muito bem conhecida e as pessoas têm um pouco de medo dela, então hoje eu vou esclarecer alguns pontos sobre a psoríase.

Como ela funciona? Como ela pode ser tratada?

O que é psoríase?

Trata-se de uma doença inflamatória que, durante muitos anos, os médicos consideravam como sendo uma doença de pele, mas hoje se sabe que é uma doença sistêmica.

A psoríase é a pontinha do iceberg, ela indica que existe o acometimento de várias outras estruturas do organismo, do metabolismo como um todo.

Essa doença pode aparecer em várias idades, desde a juventude até a idade de 50 anos, tanto nos homens quanto nas mulheres e também nas crianças.

Há uma variedade de apresentações clínicas muito grande.

Ela pode ser desde uma doença muito leve, localizada em algumas áreas como os joelhos, cotovelos e couro cabeludo, mas ela pode se estender e atingir a pele inteirinha.

Alguns pacientes podem inclusive necessitar de internação.

A psoríase é geneticamente determinada, mas também sofre a influência de alguns fatores do ambiente como:
– consumo de bebidas alcoólicas;
– uso de alguns medicamentos como o lítio;
– estados emocionais como períodos mais estressantes.

É uma doença considerada multifatorial.

Outra doença sobre a qual você precisa saber é o câncer de pele. Clique aqui e tenha todas as informações. 

Psoríase nas articulações

A psoríase pode atingir as articulações e, muitas vezes, causar danos irreversíveis, então é muito importante que esse diagnóstico seja feito quando a pessoa tem dor articular.

Não é um diagnóstico fácil de ser feito, precisa de um profissional experiente para conseguir determinar que aquilo é uma artrite psoriásica.

Ela também pode atingir as unhas, causando espessamento, esbranquiçamento ou pontinhos avermelhados e também o couro cabeludo.

Nestes casos, quando atinge unhas e couro cabeludo, pode ser uma evidência de que exista artrite psoriásica.

Tratamento

Hoje em dia tem novas modalidades de tratamento.

A gente costumava tratar ou com luz ultravioleta (UVA ou UVB), com medicamentos de uso tópico ou com medicamentos orais.

O que se tem de novidade é em relação a esses medicamentos sistêmicos, que podem ser de uso oral, intravenoso ou aplicações intradérmicas.

São os medicamentos chamados de biológicos, mais novos, mais recentes e que trazem uma taxa de controle da psoríase muito maior do que os medicamentos anteriormente utilizados.

Além disso, também oferecem maior segurança para o paciente em termos de efeitos colaterais.

Se você tem esse problema, se isso tem afetado a sua qualidade de vida, nos procure.

Cada paciente é um e a gente vai orientar o melhor tratamento para cada caso.

Fale Agora!
Como posso te ajudar?
Powered by