A rosácea é uma doença de pele que pode ter influência de fatores hereditários e ambientais. A doença acomete geralmente indivíduos entre 30 e 60 anos, afetando mais o sexo feminino. Quando apontados os primeiros sintomas da rosácea, a doença pode ser confundida facilmente com queimaduras solares. Porém, a doença pode piorar ao longo do tempo, mediante a algumas práticas como: exposição excessiva ao sol, estresse, consumo de álcool ou alimentos picantes e cafeína.

Entre os principais sintomas da rosácea estão:

  • Vermelhidão facial;
  • Sensação de ardência;
  • Queimação e coceira na pele;
  • Descamação;
  • Pequenos vasos sanguíneos aparentes
  • Bolinhas vermelhas com ou sem pus
  • Irritação e vermelhidão ocular

A rosácea não tem cura, mas com o tratamento correto é possível controlar os sintomas, evitando o agravamento da doença. É importante ressaltar que os medicamentos e tratamentos utilizados para o controle da rosácea devem ser prescritos por dermatologistas após uma avaliação médica.